terça-feira, 21 de junho de 2016

CAMINHOS

Andamos pela vida trilhando o caminho que achamos correto, que entendemos ser o ideal. Vivemos rodeados de amigos, possuímos status na sociedade, somos pessoas desejadas e bem sucedidas, tudo parece um sonho. Pena que sempre tem aquele vazio, solidão e tristeza, aquela sensação de que falta algo mais. Você pode me indagar nesse momento dizendo que isso é besteira, que você é uma pessoa feliz na maior parte do tempo. Eu não tiro sua razão, mas e se por um momento acabar tudo? Os amigos se vão, o desemprego surge, o relacionamento amoroso acaba, a saúde te abandona, mesmo assim, você ainda vai dizer-se feliz?

Um grande exemplo desse sucesso era o apóstolo Paulo, (neste tempo ainda conhecido como Saulo). Homem inteligente, família influente na sociedade, falava outros idiomas, possuía riquezas e serviçais, era bem pago por seus serviços que era perseguir e aprisionar cristãos (como um caçador de recompensas. Ele era o melhor). Até que um dia: Em sua viagem, quando se aproximava de Damasco, de repente brilhou ao seu redor uma luz vinda do céu. Ele caiu por terra e ouviu uma voz que lhe dizia: "Saulo, Saulo, por que você me persegue? " Saulo perguntou: "Quem és tu, Senhor? " Ele respondeu: "Eu sou Jesus, a quem você persegue. Levante-se, entre na cidade; alguém lhe dirá o que você deve fazer". Os homens que viajavam com Saulo pararam emudecidos; ouviam a voz mas não viam ninguém.

Saulo levantou-se do chão e, abrindo os olhos, não conseguia ver nada. E eles o levaram pela mão até Damasco. Por três dias ele esteve cego, não comeu nem bebeu. (Atos 9:3-9 NVI).
Assim também é nas nossas vidas quando caímos. Imagina você independente a vida toda e do nada cai do cavalo perdendo tudo, sendo completamente dependente dos outros para tudo. É nesse momento que você repensa seu caminho e vê que a felicidade está em ter alguém que você possa ser dependente. Loucura isso? Vou explicar melhor: Imagina que seu sonho seja “O” carro importado, aquele que todos sonham. Na sua doença ele vai estar ao lado da cama zelando por você? Não, mas é na compaixão, no carinho e no cuidado dos poucos que permaneceram ao seu lado te guardando que vai achar conforto. Nesse ponto é que o caminhar muda de direção, seus atos, motivações, sonhos, prioridades, tudo muda. Saulo se encontrou com Jesus e tudo lhe foi mudado, passa agora a ser chamado por Paulo, o mais intenso e ativo dos cristãos (minha opinião). O mais impressionante é que no fim da vida, no corredor da morte (por ser cristão) ele se sente feliz, amparado, completo e realizado: Eu já estou sendo derramado como uma oferta de bebida. Está próximo o tempo da minha partida. Combati o bom combate, terminei a carreira, guardei a fé. Agora me está reservada a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amam a sua vinda. (2 Timóteo 4:6-8 NVI). 

Paulo sabe que a maior riqueza é estar ao lado de Cristo na eternidade. A felicidade vem de estar só em seu quarto mas com Jesus dentro do seu coração, é estar desempregado mas crendo que Ele supre suas necessidades e que as coisas vão mudar. Jesus não tira as tribulações de nossas vidas, mas Ele não nos deixa ser abatidos por elas. Tenha um bom, feliz e prazeroso caminhar com Jesus.

Deus nos abençoe!

Heitor Souza
Seminarista Sibi

Nenhum comentário:

PERDÃO

Entrando Jesus num barco, atravessou o mar e foi para a sua própria cidade. Alguns homens trouxeram-lhe um paralítico, deitado numa cama....